O que é Marketing Direto?

Você sabe a importância do Marketing Direto para o seu negócio?

Talvez você não saiba conceituar ou responder logo de imediato sobre o que é marketing. Contudo, imagino que você já deve ter sido alcançado por alguma ação de marketing em algum momento da sua vida.

O Marketing está presente na vida de todos, muito mais do que você possa imaginar. Dessa forma, a cada dia que passa, está cada vez mais difícil ignorar a presença do marketing no nosso dia a dia.

O Marketing está nos comerciais de TV, nas pesquisas feitas no Google, nos jornais, nas revistas ou em um vídeo que você assiste no Youtube. Diante disso, de alguma forma somos impactados por alguma ação de Marketing.

Neste artigo, veremos sobre uma ação específica de Marketing, chamada de Marketing Direto.

O que é Marketing Direto?

Como o próprio nome sugere, é uma forma de se comunicar com os potenciais clientes, sem intermediários. 

Basicamente é a estratégia de fazer contatos diretos e segmentados com pessoas que demonstraram interesse nos produtos ou serviços de uma marca. Este contato pode ser feito, por exemplo, através do telefone, da mala direta ou através de mensagem enviada por e-mail.

Comparado a outros tipos de marketing, como o inbound marketing ou marketing de atração que tem como finalidade “pescar” um público muito maior de uma vez só, o marketing direto é muito mais personalizado e focado. 

Dessa forma, essa estratégia converte mais, gastando menos. Além disso, ela se torna mais eficiente.

Principais objetivos do Marketing Direto

Um dos principais objetivos do marketing direto é construir um relacionamento personalizado com os clientes.

A partir do momento em que o contato da empresa com os seus clientes passa a ser feito de forma personalizada e individualizada, o serviço ou produto oferecido passa a ter um valor percebido muito maior. Consequentemente, isso aumenta a satisfação e a fidelização dos clientes

Outro importante objetivo do marketing direto é aumentar o conhecimento da marca. Isso significa reforçar o branding através de ações de marketing, a fim de que as pessoas se identifiquem cada vez mais com os valores da sua empresa.

Fazer com que a sua marca seja notada é algo positivo. Ainda que a sua campanha não tenha resultado em uma venda naquele momento, vale a pena investir no marketing. Lembre-se que manter a sua marca na mente do cliente, pode resultar em uma venda futura.

Por fim, todo o esforço que é empenhado em uma boa campanha de marketing direto tem o objetivo de convencer o seu potencial cliente a executar a ação que você definiu. Seja ela o cadastro em uma lista, clicar em um link, fechar a venda ou compartilhar um conteúdo.

Como usar o Marketing Direto na minha estratégia?

Agora que você já sabe o que é marketing direto e quais os seus principais objetivos, deve estar se perguntando “E agora, como eu posso aplicar o Marketing Direto na minha empresa?”. Então, para te ajudar, inserimos abaixo alguns passos importantes para que sua estratégia de marketing direto seja bem sucedida.

  1. Identifique o público alvo

O primeiro passo é conhecer bem o seu público alvo. Portanto, é preciso saber exatamente quem são as pessoas interessadas em seu produto ou serviço. 

Diante disso, é importante que tenha um banco de dados à sua disposição, como por exemplo, um cadastro de clientes com as seguintes informações:

  • Sexo;
  • Idade;
  • Renda;
  • Interesses pessoais;
  • Localização geográfica;
  • Entre outras.

Atenção! É de suma importância que essa audiência tenha dado a permissão para que você envie qualquer coisa para ela, seja um e-mail ou até mesmo uma ligação. Caso contrário, ao invés de gerar uma conversão, irá gerar insatisfação.

  1. Produza conteúdo relevante

Uma das formas de agregar valor ao seu cliente é através da produção de conteúdo. Mas não pode ser algo qualquer, visto que a internet está repleta de todo tipo de informação e conteúdo gratuito.

O seu conteúdo precisa ser relevante, precisa ser um conteúdo que possa gerar valor, que desperte o interesse do seu público. Caso contrário, não terá o efeito desejado.

Afinal, conteúdo por conteúdo, a internet está cheia. Seu público precisa ver algo de valor no seu conteúdo, algo que o diferencia dos demais.

  1. Decida qual a melhor abordagem

Ao conhecer o seu público alvo, você consegue informações sobre qual a melhor forma de abordá-lo. Ou seja, se a abordagem será por telefone, por e-mail ou por qualquer outro canal. 

Por isso, é de suma importância que conheça bem o seu público, como por exemplo, sua idade e suas preferências. Dessa forma, você terá facilidade na tomada de decisão, porém, não fique preso a um só canal de comunicação.

  1. Escolha as melhores ferramentas

Agora, o próximo passo é definir as ferramentas que serão usadas para o contato com seu público.

Seja qual for o método de contato escolhido, o ideal é que você teste algumas ferramentas até encontrar aquela que melhor atenda às suas necessidades.

O e-mail marketing, por exemplo, é uma ótima ferramenta para você testar. Caso o seu público seja mais jovem, esta pode ser uma excelente forma de se comunicar com eles, visto que este público costuma estar sempre conectado e conseguem acessar suas mensagens na palma da mão, através do celular.

Com o passar do tempo, você vai perceber que existe uma grande quantidade de ferramentas que podem ser testadas, o importante é testar antes de fazer sua escolha, para assim garantir o sucesso da ação. 

  1. Invista no senso de urgência

Você já viu alguma oferta com “tempo limitado”? Se a resposta for positiva, certamente você logo pensou “preciso aproveitar esta oportunidade antes que acabe!”.

Acertei?

Saiba que isto faz parte da estratégia do Marketing Direto. Esta estratégia é famosa por causar o senso de urgência nas pessoas. Quando usado com inteligência e integridade, tende a gerar bons resultados. Por esta razão, não deixe de dar atenção a este recurso quando for apresentar a sua oferta para o cliente.

Por natureza, as pessoas tendem a procrastinar as suas decisões, por isso, utilizar o senso de urgência na sua oferta é muito importante. Afinal, quanto mais rápido o cliente tomar a decisão em comprar seu produto ou serviço, melhor pra você!

  1. Mensure os resultados

Para entender que sua campanha de marketing alcançou o sucesso, você precisa acompanhar os resultados.

Tudo que não é medido, não pode ser melhorado.

Portanto, procure monitorar cada fase da campanha, desde quantas pessoas foram alcançadas até quantas pessoas foram realmente convertidas.

Não existe sucesso no marketing sem acompanhar os processos e os resultados.

Metrificar bem os seus resultados é fundamental para saber qual foi o ROAS (retorno sobre o investimento publicitário) da sua campanha.

Além disso, ter as métricas da campanha irá te ajudar no planejamento das próximas ações de Marketing Direto. Você poderá repetir o que deu certo e evitar o que deu errado.

Conclusão: 

Foi difícil entender o que é Marketing Direto? Acredito que não. Mas se houver alguma dúvida, entre em contato conosco!

Não dá pra ignorar o potencial de uma campanha baseada no marketing direto, independente do objetivo de marketing da sua empresa.

Agora que você já sabe o que é, entende o conceito e conhece as estratégias do marketing direto, é hora de usá-lo para alavancar seu negócio e aumentar o seu faturamento!

Deixe um comentário

Navegação

Opção Contabilidade © Todos os direitos reservados

Acesse a nossa Política de Privacidade